• rroxio

    PT
    Quando escolhi o céu como ponto de contacto com a foto anterior do Fabrício tinha em mente um foto que invocasse algum drama. Por ironia do destino o mau tempo que se abatia sobre o local onde vivo transformou o hoje num perfeito dia de verão, com um fantástico céu azul, sem qualquer nuvem, o que arrasou por completo a ideia que tinha em mente. Decidi então materializar essa ideia recorrendo a uma foto que foi feita durante a sessão em que trabalhei a foto #3 deste diálogo. Essa foto nunca tinha visto a luz do dia, devido a não ter conseguido uma impressão minimamente aceitável. Hoje resolvi reinterpreta-la à luz do que tinha ontem visualizado. E é fantástica a semelhança desta minha foto com a foto anterior do Fabrício, no que ao posicionamento dos elementos visuais diz respeito: chão a ocupar uma faixa pequena do primeiro plano, uma ligeira zona de arvores à direita, um céu dramático a ocupar grande parte da foto e finalmente uma zona escura a ocupar o canto superior esquerdo da foto. A minha ideia original era contrapor a frágil árvore da esquerda com a imponente legião de árvores à direita. Daí o nome David e Golias.

  • Ricardo had already shared this photograph with me when he made it back in January. From the start it did raise some feelings of unbalance: the weak against the strong, the fragile good against the decided evil. When he further titled it as he did I immediately decided my next subject would be the Jewish people. Maybe I should have commented immediately when he posted his image but I wanted to be sure I would be able to work the subject as I wanted before announcing it…